terça-feira, julho 25, 2006

Procurando a luz... e a Luz cada vez mais perto!

"Procurando a luz", aguarela de Júlia Calçada

Admiro, ao mesmo tempo que estranho, esta tua persistência na busca incessante da luz. A luz já lá está, mas tu não sabes. Não a vês, ou não a sentes, porque não a podes tocar, e a ausência dessa confirmação material leva-te a concluir que não a encontras. Os outros chegam a ofuscar-se com a tua luz, porque é de ti que ela emana, mas tu continuas no desespero da procura. E continuarás, eu sei, porque essa é a tua meta, inatingível, seguramente. Ou terás que iniciar uma outra busca, que consideres igualmente inacessível, sempre no desvario da descoberta do que te falta para apaziguar a tua alma inquieta.

5 comentários:

Senhora_d0_Lago disse...

"Qualquer caminho serve para me levar ao lado nenhum em que te encontras"... É tão difícil aquietarmo-nos, sossegarmo-nos.. Obrigada pela visita ao meu blog e pelo comentário. Beijinhos para ti, Maria.

greentea disse...

a LUZ está lá sim

por vezes não a vemos, não a queremos ver...

Vasco Pontes disse...

Olá querida maria,
buscar a luz, sim, buscar a luz.tens um poeta dentro dum texto.
... e outro aos beijos por fora, contente pelo regresso

Anónimo disse...

Very pretty site! Keep working. thnx!
»

Anónimo disse...

Greets to the webmaster of this wonderful site! Keep up the good work. Thanks.
»